Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Maria Helena - A Vida depois das cartas!

As minhas outras facetas para além da profissional. Eu, como mulher, mãe e avó, abro as portas do meu mundo.

Maria Helena - A Vida depois das cartas!

As minhas outras facetas para além da profissional. Eu, como mulher, mãe e avó, abro as portas do meu mundo.

Domingo gordo

Olá olá!!!

 

O Carnaval está à porta e amanhã já é domingo gordo. Muitas são as pessoas que saem à rua mascaradas, na esperança de esquecem os problemas e aproveitarem uns dias de folia. Apesar do Entrudo não ser um feriado nacional, estas festiidades continuam bem presentes na nossa tradição.

 

Sabe a origem do Domingo Gordo? Na sua origem, a palavra Carnaval significa “adeus, carne”, marcando o dia seguinte, a Quarta-Feira de Cinzas, o início da Quaresma e da abstinência que é sua característica. Assim, a terça-feira de Carnaval e o domingo que antecede a Quaresma são dias gordos, de excessos, onde se comem diversas iguarias de carne, em contraste com os dias magros ou dias de peixe típicos da Quaresma.

 

O Carnaval é uma época de folia e de excessos e à mesa não é diferente. É tradição no Domingo Gordo comer pratos pesados como o Cozido à Portuguesa, a Feijoada e as Papas de Sarrabulho. Com a matança do porco por alturas de Natal, as carnes mais gordas eram antigamente cuidadosamente guardadas e salgadas pelas famílias para serem saboreadas no domingo gordo. Queijos, chouriços e presuntos são outros prazeres gastronómicos permitidos por tradição neste dia, acompanhados por um bom vinho.

 

Por isso, festeje mas com conta, peso e medida! Brinque mas sem cair em excessos. Faça do Carnaval um período alegre, bem aproveitado e para mais tarde recordar!

 

IMG_0758.JPG

 

Espero ter sido útil nos meus conselhos!

Um grande beijinho,

Maria Helena

1 comentário

Comentar post